Me Afino em Acordes Alterados
Zelia

Duncan
"Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual porque, sinceramente, sou diferente." (Clarice Lispector)
Sou como você me vê.
(...)Às vezes sentava-me na rede, balançando-me com o livro no colo, sem tocá-lo, em êxtase puríssimo.Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com seu amante (...)
Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, Depende de quando e como você me vê passar.(...)" Clarice Lispector

sábado, 24 de novembro de 2018

Bora Viver o Absor Vido



Depois de Absorver totalmente o fim de semana passado que Foi um tempo bom e único  por ter  tido a alegria
de ter aqui em Pasargada  a presença dos amigosafilhados que amo, respeito e amo ter
por perto geograficamente.
Depois desse tempo bom...
Ontem foi dia de curtir um pouco as delícias do lugar onde escolhi para viver.
Na parte da manhã me dediquei a cuidar da minha casa e a fazer as arrumações que 
minha mente tinham como meta.
Gosto muito de me dedicar a minha casa, a minhas plantinhas na janela.
Estraremos na fase das pequenas pinturas  nessa semana que entrará.
Esse ano de 2018 não montarei árvore de natal, não quero.
Me dedicarei Sim a pequenos arranjos.
Voltando aos cuidados com a arrumação da casa, gosto de trabalhar ouvindo músicas
de uma play list aleatória e ir compartilhando nas duas redes que participo.
Quando trabalho assim  é uma forma de não trabalhar isolada do mundo e de expurgar
os maus pensamentos. Quando me dedico aos cuidados com a  minha casa Eu não penso
em tristezas e decepções. Tenho a plena certeza que não Sou um Ser isolado.
no Mundo e parte de Todo.
A noitinha Nós dois nos permitirmos sair e participar de um fantástico Evento de Degustação de
Vinhos e Queijos.
Moramos em um bairro onde podemos ir aos bares e restaurante simples ou sofisticados
caminhando, é muito perto de casa.
Amo meu lugar e amamos a noite de degustação.
Conheci fantásticos vinhos brasileiros!
Em fim tivemos uma sexta feira fantástica.
Por isso Eu prefiro olhar pra frente e viver seguindo adiante
sempre fazendo a minha parte e o meu melhor.. Sou boa nesse
Absorver o Observado entre sonhos e delírios.
                                                   CatiahoAlc./ReflexodAlma

Meu Livro Novo!Informações pelo email;catiaho@hotmail.com

Meu Livro Novo!Informações pelo email;catiaho@hotmail.com

reciprocidade

Você que vai, foi ou está no consultório
médico. Você que ri e chora tendo vez
que chora mais do que pode sorrir tem
mais é que vencer a força do tempo que
age sobre todas as coisas e se possível
transformar o imutável.
Um minuto de felicidade deverá ser
transformado ou entendido como uma
vida inteira de alegria e, se acaso o
pranto lhe chegar aos olhos, entenda-o
como chuva de verão que vem, molha um
pouco, eu sei, mas não perdura. Vem,
tempera a terra e vai embora.
Este momento em que você, ansiosa,
espera pelo diagnóstico do seu médico
não é pior do que um vento que sopra a
sua saia, desalinha os seus cabelos, beija o
seu rosto e segue em frente.
Não admita a ideia do sofrimento
antecipado ou, mesmo que doa à beça, não
sofra porque o hoje, mais cedo ou mais
tarde ficará no esquecimento do passado.
Ria, portanto, sofra se não morrer, mas não
chore porque a vida é bela e o mal não faz
sentido.

silvioafonso.

2209010